Mercado de Trabalho

Confira essas 7 áreas para trabalhar com tecnologia

janeiro 3, 2019
Tempo de leitura 5 min

Com o crescente desenvolvimento de tecnologias nas últimas décadas, as profissões estão se reconfigurando. Hoje, é raro uma atividade que não envolva o uso de computadores, aparelhos ou ferramentas digitais. Mais ainda, essas inovações têm feito surgir novas áreas e empregos, com boas oportunidades para quem está disposto a trabalhar com tecnologia.

Neste post, vamos explicar um pouco mais sobre as profissões que surgiram devido à tecnologia. Conheça 7 áreas para trabalhar:

1. Web design

Para as pessoas criativas e que gostam de estar por dentro das novidades do meio virtual, ser web designer pode ser uma opção de carreira interessante. Esse profissional é responsável por elaborar a estrutura e o visual de um site.

Dessa forma, é preciso entender tanto de desenho, imagens, cores, tipografia, layout e princípios do design, como de programação, códigos, arquitetura da informação e hospedagem de sites.

Para seguir carreira nessa área, é possível fazer cursos ligados à Computação e ao Design. Vale a pena optar por essa profissão se você quer aprender a desenhar sites e pensar em maneiras de facilitar o acesso e a navegação dos usuários.

Uma dica para quem deseja um espaço no mercado de trabalho como web designer é criar, desde cedo, um portfólio com os seus melhores trabalhos. Essa é uma maneira primordial de divulgar o seu potencial para possíveis empregadores.

2. Programação e desenvolvimento para web

Se o seu interesse principal é mais direcionado à parte lógica e aos códigos, pode ser uma alternativa se qualificar em programação. Nessa área, o profissional aprende a desenvolver programas, sites, aplicativos, softwares e outros projetos na área de tecnologia.

Ainda há uma muitos espaços que podem ser aproveitados no mercado e possibilidades de remuneração bastante interessantes para programadores e desenvolvedores mais capacitados.

Não é raro que algumas empresas encontrem dificuldades para achar um profissional com as habilidades ideais para determinados projetos. Assim, para construir uma carreira de sucesso nesse setor, é importante se atualizar constantemente e investir no aprendizado de ferramentas e linguagens de programação.

3. Mídias sociais

Outra possibilidade para quem não desgruda da internet é trabalhar com mídias sociais. O profissional que atua nessa área — também chamado de social media — pode traçar estratégias e produzir conteúdos adequados ao público e ao objetivo de cada marca.

Mais do que usar a criatividade e se manter antenado nos memes e novidades da cultura pop, quem trabalha com mídias sociais precisa monitorar o comportamento dos usuários e entender os dados disponíveis nas plataformas com foco na melhoria de resultados.

É bem comum encontrar pessoas de Comunicação Social, Publicidade, Marketing e Jornalismo na profissão. Mas também há oportunidades para graduados de cursos relacionados à Tecnologia da Informação.

Para se destacar, é importante ser um usuário ativo nas diversas redes e gostar de acompanhar as tendências tecnológicas e sociais. Ter conhecimento de inglês é um diferencial que pode ajudar bastante na contratação. Também é bom manter uma rotina de estudos para se aperfeiçoar nas principais ferramentas utilizadas pelo mercado.

4. Jogos digitais

Quem tem afinidade com games e tecnologia pode escolher ainda trabalhar com jogos digitais. Esse profissional produz jogos para internet, computador, tablets, celulares, videogames e outros dispositivos.

Da criação do roteiro até a finalização da construção do jogo, há muitas possibilidades para quem deseja atuar nesse setor. O importante para ter uma carreira de sucesso é investir em uma formação de qualidade e focada em inovação. Afinal, como já vimos, as tecnologias se aprimoram a todo momento.

Entre os cursos que oferecem uma capacitação essencial para trabalhar na área está o de Engenharia de Computação. Além de aprender sobre computação gráfica e desenvolvimento de jogos, os engenheiros estudam ainda sobre inteligência artificial, softwares, aplicativos e outros assuntos importantes para uma formação completa.

5. Análise de dados

Entre as áreas mais promissoras para os profissionais de tecnologia está a Big Data. Na internet, há uma quantidade imensa de informações que nem sempre conseguimos compreender. Com isso, surgiu a necessidade de um profissional especializado para organizar e mostrar os dados de maneira mais eficiente para as empresas: o analista ou cientista de dados.

Essa profissão, de maneira simplificada, trabalha com a transformação de informações e números em dados relevantes. Assim, além de conhecimentos em matemática, programação e tecnologia, noções de gestão também são desejáveis.

6. Inteligência de negócios

Se você tem interesse em trabalhar com dados, mas também em ver os resultados dessas informações sendo aplicadas de maneira inteligente nas empresas, temos outra possibilidade de carreira a seguir: a área de Business Intelligence (B.I.).

Esse profissional usa técnicas e conceitos para transformar as informações em vantagem competitiva para as organizações. Para atuar na área, fazer um curso de Administração pode trazer conhecimentos relevantes sobre negócios e gestão.

No entanto, engenheiros da computação também são requisitados, já que a área de inteligência de negócios é bem ampla e pode incluir, por exemplo, o aperfeiçoamento de sistemas embarcados — como o computador de bordo de um carro, a leitura biométrica das travas de portas, o decodificador da TV digital, a estrutura de irrigação de grandes empresas agropecuárias, dentre outros.

7. Gestão de processos e qualidade

Também dá para trabalhar com tecnologia e gestão com foco na melhoria de processos e na qualidade dos sistemas produtivos. Na área de Engenharia de Produção, o profissional estuda como projetar, gerenciar e otimizar sistemas para elevar a rentabilidade e a produtividade das empresas. Assim, pode fazer testes de qualidade de programas e equipamentos, por exemplo.

Seja qual for a área que você escolher para trabalhar com tecnologia, é fundamental buscar capacitações e atualizar-se sobre as ferramentas mais relevantes para o setor almejado. Além disso, o desenvolvimento da criatividade e da inovação também é algo valorizado no mercado digital.

E você já sabe em que área quer trabalhar? Esperamos que essas sugestões possam ajudar você nessa decisão. Se quiser ficar bem informado sobre as novas profissões, carreira, estudos e tecnologia, siga a ESEG nas redes sociais. Estamos no Facebook, YouTube, Twitter, LinkedIn e Instagram.

Receba conteúdo em primeira mão!


Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário